Utilizamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, assumiremos que você concorda com o uso de cookies.

O prêmio H. C. Andersen

3 de Abril de 2019 às 00:07

Há 24 anos, no dia dois de abril, 3 novos membros são introduzidos na sociedade cultural dinamarquesa. São pessoas que dedicaram e dedicam suas vidas a desenvolverem trabalhos sobre H. C. Andersen com o objetivo de divulgar sua obra. São cinegrafistas, tradutores, coreógrafos, músicos entre outros. Eles são escolhidos a partir de uma lista de candidatos. O comitê responsável por atribuir o prêmio estuda cada um dos candidatos para chegar aos finalistas que são sempre 3. As festividades, nesse dia dois, iniciam logo pela manhã, quando a comunidade da cidade de Odense, o Comitê Hans Christian Andersen e os premiados reunem-se diante da estátua do escritor para depositar uma coroa de flores e cantar algumas canções compostas pelo escritor. Algumas visitas pela cidade são programadas a partir dos lugares relacionados à história de vida de Andersen, Segue um almoço e a entrega do prêmio às 15:00 horas. As festividades encerram com um jantar em algum restaurante da cidade. É importante o trabalho que o comitê realiza para manter vivas a memória, a obra, a cultura e a tradição que cercam as celebrações desse dia. Em Copenhague, em Helsingor, em Slagelse as sociedades formadas em torno do autor desenvolveram atividades que incluiram palestras e visitas a pontos estratégicos pelos lugares onde Andersen passou e viveu.

Autor:
Ana Maria M C S Langkilde
Ilustração:
--
Fonte:
--

Notícias

1 2 3 >